quarta-feira, 7 de março de 2018

Nas asas do vento...


Nas asas do vento...

Nas manhãs sempre acordo com a sensação
Que sou pássaro sobrevoando o céu...
Em meus lábios um sorriso ao pensar
Num provável reencontro de sentires...
...mas só encontro as asas do vento...

Arrancando meus sonhos em meio a tempestades
Sem conseguir acalmar a dor... Da solidão...

Queria lembrar estes sonhos ao amanhecer
Mas... Perco-me em pensamentos e sentires...
Fecho os olhos a divagar sobre as lembranças...
Muitas vezes felizes...
Minha inquieta alma não me deixa ver onde jaz
A verdade ou a ilusão... E eu sigo voejando nas manhãs
Em devaneios...levada pelo vento!

celina vasques

sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

*Não imaginas_*


*Não imaginas_*

Você nem imagina
Quantas vezes tenho de remendar a minha alma 
que continua assim com costura tão superficial.
Quantas vezes sentindo-me só, esculpo-a 
com detalhes que meu coração sente,
e chego a dar-lhe vida.
E cada vez que eu te refaço, uso todos os detalhes 
como se juntando os pedacinhos de retalhos 
de um coração.
Mas eu te refaço tão real em minha mente 
quase demente, eu devaneio.
E eu sinto os teus lábios percorrendo minha face 
que eu de tanto querer-te, peço-a em pensamentos.
Mas são sonhos, desejos, que o meu coração
muitas vezes ultrapassa, fazendo-me pensar
que de repente um sopro de vento é a tua carícia
preenchendo as fissuras da minh'alma
com os silêncios no meu devanear, nada mais.
Simples, bem simples assim...
Você, era um S o n h a r.

(___Joe Luigi)

segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Você é.....


Você é.....

Se eu olho o céu, só penso em você... 
Quando escuto o mar, é sua voz a sorrir... 
A verdade que existe, mora em seus olhos 
E a beleza da vida, no seu existir... 

Se minha vida escurece, 
Você é o luar... 
Se me levam de ti 
Posso enfim te encontrar... 

A mentira real me fez enxergar 
Você é tudo, em todo lugar. 
Na mente dos bons, eu parti de você 
Mas, distante de ti quem pode viver...? 

Por: Fulvio Ribeiro

sábado, 8 de julho de 2017

Intensidade

*****

Intensidade
Hoje revendo rabiscos antigos, te achei neles,
vi então que tudo que vivemos foi muito intenso
Lembra-se quando nós juntávamos letras,
bordávamos palavras e tecíamos sentimentos,
em folhas brancas de um papel qualquer?!
Tantas coisas de nós dois estão aqui nos escritos.
Foi você fada artesã no tecer amor em palavras,
que abriu-me caminhos, ensinou-me a caminhar 
brigando com minha timidez quase infantil,
 desemperrou as janelas do meu olhar.
Sempre dizia-me, vá você pode, mostre teus
escritos não os deixe só para você, te ouvi.
E hoje eu já sei caminhar sozinho,
rabiscar os meus sonhos e coloca-los em papeis.
Mesmo quando eu fico triste com a sua ausência 
debruço sobre a saudade que sinto de nós,
revivo momentos que o tempo levou mas não
apagou.
Eu esqueço o tempo, tranco minha dor lá fora
invento um sorriso, abro os meus segredos
e escrevo sobre as poesias de nós dois.
Desenho versos, rabiscos poemas e eternizo o
amor.
___Joe Luigi

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Anjo meu_

Como se você entrasse pelas frestas da janela
beija-me terna e sutilmente com beijos quentes
o meu corpo ainda meio entorpecido pelo sono.
Dando-me uma sensação de aconchego
em seu colo.
Penso estar sonhando e não quero acordar...
Preguiçoso não abro os meus olhos, viro para
o canto abraçado ao travesseiro querendo
sonhar só mais um pouquinho.
Pelo perfume suave no ar, percebo não ser
sonho e sim o meu amor.
Estendo os meus braços tentando alcançar
as suas mãos, que como um anjo me olha
dormir.
Sorrio ao vê-la encostada na cama me
olhando enquanto durmo.
Olho em seus olhos e você me diz:
Bom dia meu amor e repondo-lhe
bom dia meu anjo, sabia que eu te amo?!
Eu te amo mais que muito, te amo tudo que
alguém consegue amar.
E trago-a até mim e colocando-a dentro do meu
abraço, aperto-a em meus braços e nos beijamos.
Quando eu a abraço assim, tenho a sensação de
poder entrar dentro do seu coração.
Eu sei que nosso amor transpassa as barreiras
quase intransponíveis do amar, é amor de almas.
Não sei se saberei explicar...
Quando estamos juntinhos, queremos ficar mais
e mais.
É tanto amar, que por vezes tendo-a em meus braços,
eu tenho um medo louco de perde -la 
E sinto vontade de chorar.
______Joe Luigi
Direitos Reservados

quarta-feira, 15 de março de 2017

AMOR EM FRAÇÃO...



AMOR EM FRAÇÃO...

Me perdi nesse amor desmedido,
Que preenche todo o meu ser,
Chego a pensar – que amor sem sentido,
Que faz de mim, um ter por não ter.

De quando em quando me sinto feliz,
Dos restos de amor a mim dedicado,
São momentos; segundos - em vão,
É esse amor que recebo – fatiado.

Queria essas partes unir,
E de fatias em fatias – um inteiro,
Só assim eu teria o amor,
O amor total e verdadeiro.

[Autor: Alvimar – O Poeta Mineiro...]

sábado, 11 de março de 2017

TE BEIJO A ALMA *****



TE BEIJO A ALMA

A tua distancia é tão perto de mim...
Habitas em minha alma e na minha essência...
E eu sou a tua sombra cativa...

Sabes, compartilhas comigo a minha solidão.
Na orvalhada cristalina das manhãs
Envolvo teu amor e contigo invento maravilhas...
Percorro teu corpo e por ti me encanto...
...e posso amar-te sempre loucamente...
Apenas no meu pensamento!

E me visto de paixão... De desejo e de ternura...Te beijo a alma..
A noite mansa deixa comigo o perfume de todas as saudades...
E acordo de manhã devagar... Ainda sentindo o aroma
De nossa loucura!

[Celina Vasques ]