segunda-feira, 21 de setembro de 2009

EU PRECISO FALAR...,


EU PRECISO FALAR..
 
escrever, postar em alvos versos,
esta alquimia de metáforas
tangenciando minha alma,
desenhando-te em minhas folhas
detalhada em ramalhetes,
um camafeu aos olhos do coração!
Ah! Eu preciso te falar...,
da ternura, das ondas
que invadem a praia,
esculpindo-te dourada
como sol, cristalina
como chuva alimentando meu jardim,
meu recanto de ilusões!
Ah! Como eu preciso falar...,
da chama erguida,
mostrando-te nos belos codinomes,
na sutileza da flor
desabrochando e dizendo teu nome,
teu sobrenome paixão!
Ah! Como eu preciso te falar...,
Eu te amo!

Auber Fioravante Júnior