domingo, 27 de setembro de 2009

SER TEU AMIGO


SER TEU AMIGO

Como é gostoso ser teu amigo
Das tuas mãos estendidas
Do sorriso largo no rosto
Da felicidade ao me ver
Deste abraço carinhoso,
apertado, afetuoso?
do matar saudades escondidas
Relembrar as noites de lua cheia
Sentado embaixo da figueira
Confabulávamos segredos
Nas conversas jogadas ao vento?
Sei, o tempo passa, como tudo passa
Cada um para o seu lado
As brincadeiras de menino ficaram
Escondidas no baú da nossa saudade?
E agora aqui estamos
A sorrir,contar,relembrar
Tantas coisa para falar
Cala-me a voz
Na despedida a voz embargada
Mas quero te dizer
Por onde você estiver
Que na distancia nossa
Dos pensamentos perdidos
Te guardo dentro do peito
Neste coração amigo?.

Sady Mac