sexta-feira, 23 de outubro de 2009

TEMPO PRA TUDO...


TEMPO PRA TUDO...

Meu amor! Eu lamento muito, mas não poderei encontrá-la agora
nossos tempos são diferentes, o meu circula aqui, o seu ainda está
na Grande Roda da Eternidade

A grande Roda quando gira faz surgir na terra um novo tempo
trazendo junto com ele uma nova vida
como a alma que retorna, fazendo com que tudo se repita

Cada tempo na sua individualidade é implacável e sucessivo...
vem do Eterno e para o Eterno teima em retornar

O Eterno é intemporal, não está nem antes e nem depois do tempo
existe independentemente do tempo, acomodando-o, ajustando-o
Como pode ver meu amor! Nossos tempos estão eqüidistantes...
bom seria se estivessem em rota de colisão

Sendo assim, precisamos de mais tempo, até que os nossos ponteiros
formem um alinhamento harmônico e sobreponham-se no mesmo
compasso celeste, na hora sideral exata marcada pelo universo

Então! ... Até lá meu amor! ... Um beijo! ... Um abraço apertado!...

Proteja-se! ... Eu te amo!...

Ricardo G Denunes