domingo, 8 de novembro de 2009

Amor meu...


Amor meu...

Sinto muito sua falta,
onde quer que vá
estou a te procurar
sempre na esperança de
te encontrar.

Saío sem rumo
nos dias e nas noites...a vagar...
não te encontrei...gritei teu nome
me entreguei ao pranto

abracei meus joelhos
e chorei... muito chorei...
no silencio de mim mesma
te encontrei
estavas comigo o tempo todo
nunca estive só
sempre estivemos juntos
nos mesmos sonhos
nos amando!

Em cada dia
te sinto em meu coração
numa sintonia perfeita
Onde Um mais um são dois
EU E VOCÊ.

Sinto uma Paz,
uma ternura, porque
estais em mim,
como eu em voce
Te amo hoje e sempre...

Maria Catherine