segunda-feira, 16 de novembro de 2009

QUANDO O AMOR NASCE UM PARA O OUTRO...


QUANDO O AMOR NASCE UM PARA O OUTRO...

O mergulho na emoção marcou o momento
No radiante acontecimento.
Quando um amor nasce um para o outro
Imagine o lindo encontro!

A paixão excedia em excelência
Numa contínua existência.
A fantasia percorria em grau elevado.
Dois corações Apaixonados.

A calma deixava a cabeça descontraída
Pela espontaneidade adquirida.
Ambos sabiam que se amavam perdidamente.
E a felicidade estava sempre presente!

Um olhar dizia e compreendia tudo
Completavam-se até no silêncio mudo.
O pensamento coincidia.
Em gloriosa harmonia.

Até que ponto esse amor cresceu?
E como se desenvolveu!
Não podia ser mensurado.
Estavam realmente amando e sendo amado.

O amor chegou ao auge
Só quem ama sabe.
Tanta era a magia
Que a emoção estremecia!

Hortência Lopes