segunda-feira, 9 de novembro de 2009

VOLTE PRA MIM!


VOLTE PRA MIM!

Te deixei partir
sem deixar rastro
as minhas noites estão
tão tristes...

Meu coração ferido
- sangra -
viver sem ti é cruel
e todas as lágrimas que
aqui derramo não lavam
do meu peito os
fragmentos da dor!

Eu não consigo viver sem ti!
Lembro-me de teus olhos
marejados
de teu rosto triste quando
então te foste...
juravas que ainda
amavas a mim

Não acreditei em ti!
Te deixei partir!
Jamais podia imaginar que seria assim..
tento sorrir mas a tristeza em
meus olhos transparecem

Minha tempestade
jamais passará
e com o vento que sopra forte
meus sonhos foram perdendo-se...

Perdoe-me...
Volte pra mim!
os dias estão passando e eu
não posso pensar que te perdi!

Celina Vasques