sábado, 12 de dezembro de 2009


Vida

Vida que chega
Com a certeza da partida
São tantos sonhos que ficam
Quando chega a despedida.

Nem sempre caminhamos
Lado a lado na mesma estrada
Desviamos em busca da felicidade
E a felicidade já tinha sido encontrada
E sem saber... Perdemos a pessoa amada

Procuramos por todas as estradas
Um grande amor... o nosso chão
A vida só se completa
Quando se completa o coração

Vamos viver a vida
Com sentimentos e descontração
Perdoe para ser perdoado
O ser humano não atinge a perfeição.

Quando encontrar o amor
Não deixe a felicidade outra vez te abandonar
As rosas sobrevivem na alegria e na tristeza
Porque quer outra vida cativar
Estão sempre prontas... Para amar e confortar.

amaropereira