segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Jardim do meu coração


Jardim do meu coração

No jardim
do meu coração
vejo as rosas
que exalam amor!

Cuido delas
como se fossem crianças,
donzelas ou mulheres!

Logo pela manhã
sorriem
para cuidar delas:
ficarão viçosas,
generosas,
sedutoras
e carinhosas,
para o poeta
mais uma vez
se inspirar
na paixão,
no amor,
no romance
e no sonho!

Mais tarde
e na vida,
terei alegria
por praticarem
o que lhes ensinei
no jardim
do meu coração
e expresso
através da Poesia!

José Manuel Brazão