sábado, 30 de janeiro de 2010

Separação


Separação

Meus olhos te viram partir
Entre lágrimas teimosas em cair
Meus lábios fecharam-se
Para não escapar o grito.

Minha cabeça delirando
Buscando uma saída
Meu corpo sentindo
Sua falta mesmo antes da ida.

Minh´alma em febre
Esperando de ti um sim
Mas você nada disse.

Olhei para o infinito
Fechei os olhos
Engoli o grito.

Congelei no tempo.

Mara Rouber