segunda-feira, 10 de maio de 2010

Amando...


Amando...

Ninguém pode decidir
como amar e quem amar.
O amor nasce, cresce, floresce
sem que possamos controlá-lo.

Quando os nossos olhos brilham,
sua luz não pode ser escondida
de ninguém ou de nada.

Você o vê, o sente, o respira .
E apenas se deixa levar amando.
E amar é tudo de bom. É doação,
é divisão, e soma de tudo, é amor!

Em todas horas, seja ruins ou boas
è ansiar a presença de quem se ama
Querer mais que tudo, estar juntos.
Caminhar e crescer de mãos dadas,
isto é amar ao meu ver.

Joe Luigi