sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

O que me faz brilhar...


É a grande alegria
que comigo trago no peito.
Este imenso brilhante que
vejo na tua alma de amante.
E o encanto mágico da
tua presença constante.
São os sonhos de amor que
na poesia encontro.

O canto freqüente
do meu anjo insistente.
É o voou livre que dou nas
palavras freqüentes.
A busca incessante da magia
e da graça que conto.

O que me faz brilhar...

É saber sorrir
quando a tristeza
bate de frente.
Não desistir de transformar
sonho em realidade.
São as malícias amorosas que
adquiri com a idade.

A doçura que
vejo escondida no teu olhar.
A rima gostosa que te
dou e faz bem.
O amor que provei e
nunca me envergonhei.
São os horizontes que
busco e sempre
buscarei.

Marisa Torres