quarta-feira, 13 de abril de 2011

Tu tens a cor meu amor...























Tu tens a cor meu amor...
Da beleza vital de
cor floral riqueza sem fim.
Tal quais as pétalas que
revertem às flores
no nosso jardim.
Uma cor indefinida que
reflete na minh’alma a colorir.
A cor do teu amor...
Clareia os labirintos
do meu peito a
me seduzir.

Tu tens a cor
das estrelas que se
multiplicam no céu a reluzir.
Uma cor de canção de amor
que faz sangrar meu coração
e o meu pálido rosto corar.
De sonho inocente e profano
que vem nutrindo e
embalando meu
sono a colorir.

Tu tens a cor meu amor...
Do azul do céu e a mistura
do mar, tens uma cor de amar.
O verde das matas e das
plantas só me resta regar.
Tu tens o brilho do sol e a
luz do luar.

Tu tens uma cor meu amor de sentir
que não sei definir...

Marisa Torres