sexta-feira, 6 de maio de 2011

Riscos e Rabiscos























Entre riscos e rabiscos
vou traçando o meu destino...
Escrevendo minha história,
desenhando meu caminho...
Rabisco sonhos... ilusões...
Tristezas... esperanças...
Tropeçando entre um risco
e outro... me perdendo
e me encontrando...
E assim vou rasbiscando
Escrevendo e apagando
Se risco ou rabisco
o que que me faz sofrer...
Logo apago... e continuo
a escrever...
Risco e rabisco...
a vida inteira...
Às vezes as linhas
são sinuosas, mas não
me importo... pois logo adiante
eu as traço novamente...
Me perco entre os riscos...
Me acho entre os rabiscos
Essa é a vida
que desenho para mim
Um poema inacabado...
Uma história sem fim...

Lúcia Polonio