segunda-feira, 20 de junho de 2011

ENTRE PEDRAS E FLORES


ENTRE PEDRAS E FLORES

Você até chega a acreditar - numa etapa da sua vida - que pode transformar pedra em flor. Então, cuidadosamente, você aduba a terra e acomoda a pedra num vaso confortável; protege-a do sol intenso e rega-a diariamente com todo carinho, esperando transformá-la em linda flor. Até que - depois de um tempo - conclui que, infelizmente, a pedra continua inerte, fria e sem qualquer vida. Percebe que - apesar do cuidado e zelo - pedra é pedra e flor é flor. Percebe que flores não viram pedras e que pedras jamais serão flores. E percebe ainda mais; que existem pessoas simplesmente iguais às pedras; pessoas que jamais conseguirão se transformar em flores. Pessoas de pedra são eternamente pessoas de pedra!

Adriano hungaro