quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

DOR de AMOR...por TE AMAR demais...

DOR de AMOR...por TE AMAR demais...

De onde vem a força que me prende aos olhos teus?
Pra onde vão as lágrimas que saem dos olhos meus?
Não é a dor que quero agora entender, pois essa dói e pronto...
Mas preciso compreender esse amor que gera todo o meu pranto.
O que posso fazer para conter a dor nesse momento?
Como posso arrancar tua doce imagem do meu pensamento?
Ah... Mas esse é o mistério que une nossas almas,
Que mesmo distantes acariciam-se e trazem de volta a nossa calma.

É que na verdade juntos temos a eterna cumplicidade,
Que sobreviverá ao tempo chegando à imortalidade.
Se eu pudesse tocar teu rosto em meio à chuva nesse instante,
Tocar teus lábios doces e quentes agora tão distantes...
Fecharia meus olhos e em teus braços meu corpo repousaria
E o meu jeito de amar-te talvez então,compreenderias.

Sei que não adianta dizer-te mais nada com poesias,
Pois nenhuma delas meu amor por ti explicaria...
Só me resta agora fechar meus olhos e tua imagem guardar,
E o meu coração, deixar sofrer, deixar chorar.
Espero que um dia tu entendas a minha dor,
Meu jeito de ser e de expressar o meu amor...
Só quero que saibas que sempre te dei muito valor,
Pois contigo aprendi o real sentido do que é o AMOR!

Luciene Martins Tanaka (L.M.T)