quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Manda-me bilhetes amor...

 
Manda-me bilhetes amor...

Que me fale de emoção...
Fala das coisas simples.
Que sou eu tua canção ou
sou luz que te faz alegria.
Mas escreve bilhetes então...
Faz-me cair do vôo.
Ou faz-me voar nas asas
das mais lindas fantasias.
Desenha amor nossos nomes
em areias multicores em
castelos que tu crias.
Escreve com a imaginação e
envia com anjos guias.

Fala-me das borboletas
e com flores enfeitas as letras.
E diz que sou eu a espuma do
teu mais suave mar.
Escreve-os trocando meu nome...
Chamando-me de deusa Afrodite.
Conta-me teus segredos e
faz que eu acredite.
Manda bilhetes ousados...
Faz-me convites e agrados.
Hum... Eu vou amar.

Envia-me bilhetes
vermelhos falando de paixão...
Ah um bilhete cor de rosa
expressando tua harmonia.
E da nossa felicidade manda-me
um verde limão.
Manda-me todas as horas palavras
de paz e energia.
Envia um bilhete azul...
Ah...
Aí eu pego céu com a mão.

Manda-me amor bilhetes...
Manda-me todos os dias.

Marisa Torres