sábado, 17 de novembro de 2012

SEGREDO

Penso em ti...!

Secretamente penso que pensas em mim.

Talvez os nossos pensamentos se cruzem ...
num momento fugaz que não queremos confessar,
nem contar, nem pensar.

Só se o tempo abrisse uma brecha,
onde pudéssemos estar, sem estar.

Onde nem sequer seria possível voltar nem encontrar.

Um lugar onde pudéssemos beijar
sem ter de lá estar...

Onde pudéssemos voltar ao tempo do antes...
de não puder nem ousar.

Um lugar onde só nós estaríamos...
sem estar.

Onde olhar seria desejar.

Onde o desejo não seria de algo mais do que amar,
sem ousar...

Onde seria estar sem hesitar em contar...
O que nos leva a ousar sem pudor.

Maria Valadas.