sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

VAZIO DA ALMA



VAZIO DA ALMA

De repente, diante do trabalho do autoconhecimento, surge um vazio inesperado (ou já esperado) na alma.

Temos vontade de desistir, achamos que tudo é utopia, e que as leis da vida são bobagens criadas para convencer os desavisados; porém, a vida é enfática e não manda recados por terceiros, Ela nos avisa diretamente pela dor.
E, a dor, se apresenta através deste vazio da alma...

Por que acontece este vazio?
Porque a vida inteira “introjetamos” comportamentos de outras pessoas.

Colocamos para dentro de nós VÁRIOS tipos de comportamentos – de nossos pais, de nossos cônjuges, de nossos patrões, amigos... 

E preenchemos a nossa alma (que ERA para ser realmente nossa) com estes comportamentos, e nos esquecemos de nós.

Então, quando damos o nosso grito de liberdade, quando não queremos mais ninguém “dentro” de nós, ficamos perdidos e sem rumo.

Logo, este vazio faz parte do processo de autoconhecimento, e se inicia uma nova fase – A NOSSA FASE, e não a dos outros.

Infelizmente algumas (ou muitas) pessoas perdem tanto a individualidade que nem sabem mais se gostam de comer carne, ou, peixe.
Num restaurante, não sabem mais pedir – sempre dizem que a escolha do outro é a escolha mútua...

Cuidado... Devemos tomar cuidado com o auto abandono, pois corremos o sério risco de sermos abandonados por aquele (a) que diz nos amar... 
Afinal, ninguém aguenta por muito tempo alguém que se anula completamente!
Preencha este vazio com a força da sua alma, com a sua Essência, com o que há de mais belo em você! 

Gênice Suavi