domingo, 17 de maio de 2015

ONDE ESTÁS?



ONDE ESTÁS?

Só o silencio responde com sua voz gritante
Aos apelos de meu coração... Onde estás?

Ilumina com tua luz estrela que brilha no céu...
E que um dia iluminaste a minha vida
Fazendo de minha adolescência um
Mar de rosas... Dias felizes vivi contigo...

Dançamos sem medo e colecionamos
Sonhos e esperanças...
Fiz da minha tristeza lembranças... 
- e caminhei sem ti -
No paradoxo de tua abstrata presença...

A tua essência que jamais
Abandonou-me
Mesmo depois desta tua viagem entre nuvens e brumas...

Ah! Este mar profundo que esconde tantos segredos...
E este céu azul de anil que 
te guarda anjo da minha vida!

E vivo a pensar... Onde estás?
Eu jamais te esqueci!

Celina Vasques