segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Cristalina *****



Cristalina

Sinto vontade de adormecer
recostada em teu ombro...
Contar-te todas as mágoas, saudades,
Tristezas e alegrias que se passaram.
Falar-te deste amor tão grande que SEMPRE
Esteve presente na minha vida...


Sinto vontade de sentir teu perfume inebriante
Que a todo o momento
Nas tuas ausências eu sentia no ar...
Como se a brisa o trouxesse
Impregnando meu ser de ti!

Busquei na memória o passado perdido
O olvidado mistério das noites
nestas frias brumas onde sopram brisas de nostalgia
- Pobre sonhadora-
Cristalina
é minha alma ao falar em ti!

_______ celina vasques