quinta-feira, 16 de junho de 2016

Autoconhecimento *****



Autoconhecimento

De tanto buscar-me, encontrei-me perdida...
Entre argumentos que não sei usar,
escolhas que não sei fazer,
absorvida pelos desejos que não ousei viver.
Encontrei-me na ponta da faca que rasga a alma,
no sulco da pele ferida,
que quase morta, anseia o toque da vida.
Resgato a consciência de mim, do tempo que passa
não sem razão, mas que faz de minha espera
quimérica profecia que nunca se cumpre.
Há entre o que me tornei e o que ainda serei,
enigmas que surgirão a compor esse ser que fita
os olhos da covardia e reconhece seu maior inimigo
no reflexo do espelho, que sábio, sussurra de volta:
“Conhece-te a ti mesmo”.

*Gil Façanha*

Conhece-te a ti mesmo" é um aforismo grego que revela a importância do autoconhecimento, sendo uma frase bastante conhecida no ramo da Filosofia. Não há certeza absoluta em relação a quem foi autor desta máxima, mas há vários autores que atribuem a autoria da frase ao sábio grego Tales de Mileto. Apesar disso, existem teorias que afirmam que a frase foi dita por Sócrates, Heráclito ou Pitágoras. O aforismo "Conhece-te a ti mesmo" está inscrito na entrada do templo de Delfos, construído em honra a Apolo, o deus grego do sol, da beleza e da harmonia.
A frase completa é: "Conhece-te a ti mesmo e conhecerás os deuses e o universo."